314422 314422
  • jorgecaixote

Amy Levy, escritora judaica aplaudida por Oscar Wilde e detestada pela sociedade Vitoriana Amy Levy,

“Eu girei até, acho que, me afastei / A alma do meu corpo, os pensamentos elevados / Do meu espírito.” Ela pensara que, quando se casasse com Sócrates, ele poderia deixá-la entrar em seu mundo de ideias. Mas ele nunca a considerou digna: “Eu acho que, se ele tivesse se curvado um pouco e se importado / eu poderia ter chegado mais perto da sua altura / E não ficado destruído, nem adequado para uso / Como um bom vaso doméstico, nem para isso / Melhor coisa que eu esperava ser. ” Linhas escritas em 1880, lutou contra o patriarcado e suicidou-se com 27 anos. Foi a primeira mulher a frequentar o Newham College onde sofreu um ataque de antissemitismo e sexismo. Saiu porta fora para encontrar amigos em Bibliotecas. “I turned around, I think, I moved away / The soul of my body, the elevated thoughts / Of my spirit.” She had thought that when he married Socrates, he could let her into his world of ideas. But he never considered it worthy: “I think that if he had bent down a little and cared / I could have come closer to his height / And not been destroyed, nor suitable for use / Like a good domestic vase, neither for that / Best thing I expected to be. “Lines written in 1880, she fought against patriarchy and committed suicide at the age of 27. She was the first woman to attend Newham College where she suffered an attack of anti-Semitism and sexism. She went out the door to meet friends at Libraries.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

0351968140856

©2020 por Templars. Orgulhosamente criado com Wix.com

314422